Nos momentos mais difíceis é necessário tomar decisões arrojadas e apontadas para o futuro. Perante as contingências ditadas pela pandemia a ESSSM mudou toda a sua operação para on line mantendo todas as aulas a funcionar, com exceção das atividades práticas que só podem ser realizadas presencialmente.

Estudantes, docentes e pessoal de administração e serviços, todos unidos pelo sentimento comum de solidariedade e pelo objetivo imperativo de manter a escola a funcionar. É um desafio e uma oportunidade para mantermos o rumo definido no Plano Estratégico de promovermos mais autonomia para os estudantes, mais oportunidades para exercerem o pensamento crítico, a criatividade e a inovação.

Quando a pandemia acalmar e se voltar à normalidade teremos adquirido mais expertise no domínio do ensino a distância e mais capacidade de promover cursos acessíveis a todos em todo o mundo.

Conheça alguns testemunhos dos representantes de turma dos cursos:

 Quero primeiro agradecer a todos que estão envolvidos na realização deste “plano B”  é de louvar o enorme esforço que todos fazem para manter as aulas a decorrer dentro da normalidade, sem que os alunos saiam prejudicados.

A meu ver, as aulas correram bem, não houve nenhum problema significativo relativamente à transmissão de imagem e de áudio, o que proporcionou uma boa transmissão dos conteúdos curriculares.

Certamente que é um método satisfatório, uma vez que existe uma pequena dificuldade  na interação aluno-professor, mas tendo em conta às circunstancias a que vivemos, as aulas à distância são a nossa melhor ferramenta.

 

Diogo Magalhães – 1º ano Licenciatura em Enfermagem


É uma experiência nova para todos, e é natural haver uma fase experimental. No primeiro dia pouco se sentiu essa fase, correndo as aulas de forma exemplar. Tanto as imagens como o áudio foram sempre perceptíveis, com algumas pequenas lacunas no vídeo em si, nada de questionável, pois pode ser da internet de um lado ou outro ou um problema de servidor, calculo. Um aspecto que foi realçado por uma aluna, e que concordei na integra, é que não havia ruídos que pudessem distrair o rumo da aula e estas eram mais fáceis de entender. E enalteceu também o esforço da faculdade em proporcionar as melhores condições de ensino, numa altura em que nada corre a favor de TODOS.

Em suma, nota positiva para este modelo e os alunos encontram-se motivados para que, quando voltarmos à normalidade, ocorra o 2º semestre sem grandes constrangimentos para toda a comunidade escolar.

Rui Jorge – 1º ano Licenciatura em Enfermagem


No geral a opinião da turma foi bastante positiva. Entendemos o esforço que estão a fazer e pretendemos esforçamos-nos também para facilitar estes tempos mais difíceis.

A aplicação tem funcionado bem, e os contratempos que vão surgindo tem sido resolvidos.

Catarina Costa – 2º ano Licenciatura em Enfermagem


Estamos a viver uma situação inédita para a qual ninguém estava realmente preparado. Contudo, é da minha opinião, que estamos a conseguir fazer face ás adversidades com a responsabilidade nas ações e leveza de espírito com que devemos enfrentar estes tempos.

Este novo modelo de e-learning necessita adaptação de todos, e penso que tanto a escola quanto todos os alunos estão a fazer um esforço exemplar para que resulte da melhor maneira. Ainda só conseguimos avaliar o primeiro dia, mas foi, a meu ver, muito positivo, tanto pelo bom contorno de falhas técnicas que foram surgindo bem como pela adesão dos alunos que participaram em grande número mesmo em aulas teóricas. Esperemos que continuemos sempre assim, e quem sabe melhorar tudo o que for possível, pelo sucesso de todos nós.

Teodora Barbosa – 2º ano Licenciatura em Enfermagem


Como representante da Turma A do 3º ano de Licenciatura em Enfermagem, queria passar que todos os alunos da turma que assistiram às aulas de ontem ficaram agradados com a expêriencia. As aulas correram sem intercorrências e foi-nos possível participar na aula com comentário e dúvidas de forma organizada. Os horários foram cumpridos e a aplicação funcionou sem problemas.

Diana Gomes – 3º ano Licenciatura em Enfermagem


Como representante de turma do 1ºano de Fisioterapia venho por este meio informar como correu o primeiro dia de aulas/ensino a distância.

Na verdade, a turma adaptou se rapidamente às aulas e ao horário estipulado. Apesar de sentirmos alguma dificuldade na captação de algumas informações importantes achamos esta iniciativa muito importante.  

Pedro Pedroso – 1º ano Licenciatura em Fisioterapia


Dada toda esta situação adversa, é de unânime opinião que a plataforma escolhida pelos docentes é de fácil acesso, sendo relativamente rápida a interação professor/aluno e vice-versa. No entanto, visto que a dinâmica da aula é completamente diferente, exigindo necessariamente um maior esforço da nossa parte, sugerimos que os professores partilhem previamente a aula. Neste sentido achamos que a compreensão dos conteúdos lecionados seria mais eficaz.
Esta foi, sem dúvida, um ótimo veículo de comunicação adotado pela Escola.
Agradeço todo cuidado, preocupação e dedicação!

Beatriz Cruz – 2º ano Licenciatura em Fisioterapia


Em nome de toda a turma do 3º ano de Fisioterapia, o primeiro dia de utilização da plataforma para as aulas à distância correu bastante bem.

Adriana Guimarães – 3º ano Licenciatura em Fisioterapia


Enquanto representante de turma do 4º ano da licenciatura em Fisioterapia informo que o primeiro dia de ensino/aulas à distância decorreu de uma forma bastante positiva. 
A instrução relativamente à plataforma ZOOM foi dada de uma forma eficaz e clara pela coordenadora do curso, a professora Daniela Simões, bem como o acesso aos links das aulas. Houve alguns elementos da turma que tiverem dificuldade com definições de áudio e vídeo por breves momentos, por problemas de rede, internet ou do próprio dispositivo móvel/computador portátil, não impedindo estas dificuldades o bom decorrer da aula. 
Quanto à aula em si, a comunicação entre o professor e os alunos decorreu com normalidade, tal como uma aula presencial da faculdade, sem quaisquer interferências a nível de som e vídeo. Contratempos como famílias e animais de estimação a interromper a chamada foram raros, no entanto estiveram presentes, sendo encarados com normalidade. 
Em suma, e partilhando a opinião geral da turma, a aula foi bem sucedida e os alunos ficaram bastante satisfeitos com a dinâmica e a capacidade de transposição do ensino presencial para o ensino à distância. 

André Barreira – 4º ano Licenciatura em Fisioterapia