No Dia do Não Fumador partilhamos notícia da Fundação Portuguesa de Cardiologia.

“O tabagismo é em Portugal, como no resto do mundo, a principal causa de morte evitável. De facto, por cada cigarro que fumamos perdemos em média 8 minutos de vida. No total, um homem fumador está a arriscar perder, em média, cerca de 13 anos de vida, enquanto uma mulher perde cerca de 15 anos de vida.

O tabagismo é responsável por mais de 8000 mortes em Portugal, das quais cerca de 4000 por doenças cardiovasculares, 2000 por cancro do pulmão e as restantes por enfisema do pulmão e cancro noutros órgãos.

Embora a opinião pública esteja mais sensibilizada para associar o tabagismo à ocorrência de cancro, a verdade é que, devido ao tabaco, morrem mais pessoas por doença cardiovascular do que por cancro. De facto, cerca de um terço das mortes por doença cardiovascular é devido ao fumo do tabaco.

Deixar de fumar é seguramente uma das melhores coisas que podemos fazer pela nossa saúde, não só porque reduz o risco de doença cardiovascular, mas também de vários tipos de cancro, de bronquite, enfisema e melhora ainda a sua sensação de bem-estar e a qualidade de vida.”

Consulte a notícia completa aqui.

Fonte: Fundação Portuguesa de Cardiologia